Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

domingo, 7 de setembro de 2014

O TEMPO NÃO VOLTA



“Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.Eclesiastes 3.1

Há tempo para todas as coisas. Há tempo inclusive para perdermos tempo. Porém há diferença entre perder tempo no sentido de perdê-lo mesmo, e perder tempo no sentido de ganhá-lo através do descanso, da meditação e do “ócio produtivo”. Assim como há propósitos para todo o tempo, o “perder tempo” precisa de um bom propósito, para deixar de ser perda e passar a ser ganho. 
Observe como perdemos tempo com coisas inúteis.
Perdemos tempo quando sustentamos uma discussão, que poderia ter acabado em minutos, só para mostrar que nós estamos certos, embora a vitória de um dos lados não faça a menor diferença.
Perdemos tempo quando, diante de um passatempo, como um programa de televisão inútil, pervertido, insensato e destrutivo, um jogo eletrônico insosso, um livro sem enredo bom ou uma conversa tola, não temos coragem de parar, seja trocando de canal, desligando a máquina, fechando as páginas ou mudando de assunto.
Perdemos tempo quando fazemos uma viagem sem saber para onde vamos, quando nos envolvemos numa atividade sem ter feito antes um projeto, quando fazemos de novo por não termos feito bem o que já fizemos antes.
Sabemos perder tempo.
Perdemos muito tempo. Uma vez perdido, não adianta sair em sua busca. Esta é uma perda para sempre. O tempo investido na sua recuperação é também tempo perdido, que poderia ser consagrado para a obtenção de outra riqueza.
Paradoxalmente, não perdemos tempo quando, cansados, deixamos de fazer alguma coisa. O descanso é tão importante que até Deus descansou, para nos ensinar a fazer o mesmo.
Não perdemos tempo quando, motivados, separamos algum tempo para colocar nossa vida diante de Deus em meditação, num silêncio cheio de amor, coração aberto para ouvi-lo.
Não perdemos tempo quando refletimos no tempo que perdemos.
Sim, pode até parecer, mas este tipo de perda de tempo, na verdade é ganho de tempo.
Use com sabedoria o seu tempo. Ele é um dos bens mais preciosos que você recebeu de Deus e Ele, um dia, chamará você para prestar contas do que fez do tempo que recebeu.

“Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos corações sábios.” Salmos 90.12

Pense nisso!

Visite minha página no Facebook: Raquel Roque. E conheça meus blogs:
www.bonnevievie.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário