Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

sábado, 23 de agosto de 2014

O QUE JESUS REPRESENTA PARA AS DIFERENTES PROFISSÕES



Para o artista, Ele é Maravilhoso - Isaías 9.6 –Porque um menino nos nasceu, um filho nos foi dado, e o governo está sobre os seus ombros. E ele será chamado Maravilhoso Conselheiro, Deus Poderoso, Pai Eterno, Príncipe da Paz.

Para o arquiteto, Ele é a Pedra de Esquina - I Pedro 2.6 –
Pois assim é dito na Escritura: "Eis que ponho em Sião uma pedra angular, escolhida e preciosa, e aquele que nela confia jamais será envergonhado.

Para o astrônomo, Ele é o Sol da Justiça - Malaquias 4.2 –
Mas para vocês que reverenciam o meu nome, o sol da justiça se levantará trazendo cura em suas asas. E vocês sairão e saltarão como bezerros soltos do curral.

Para o padeiro, Ele é o Pão da Vida - João 6.35
Para o banqueiro, Ele é o Tesouro Escondido - Mateus 13.44 -
"O Reino dos céus é como um tesouro escondido num campo. Certo homem, tendo-o encontrado, escondeu-o de novo e, então, cheio de alegria, foi, vendeu tudo o que tinha e comprou aquele campo.

Para o construtor, Ele é o Fundamento Seguro - Isaías 28.16 –
Por isso diz o Soberano Senhor: "Eis que ponho em Sião uma pedra, uma pedra já experimentada, uma preciosa pedra angular para alicerce seguro; aquele que confia, jamais será abalado.

Para o carpinteiro, Ele é a Porta - João 10.7 –
Então Jesus afirmou de novo: "Digo-lhes a verdade: Eu sou a porta das ovelhas.

Para o doutor, Ele é o Grande Médico - Jeremias 8.22 -
Não há bálsamo em Gileade? Não há médico? Por que, então, não há sinal de cura para a ferida do meu povo?

Para o educador, Ele é o Grande Mestre - João 3.2 –Ele veio a Jesus, à noite, e disse: "Mestre, sabemos que ensinas da parte de Deus, pois ninguém pode realizar os sinais miraculosos que estás fazendo, se Deus não estiver com ele.

Para o engenheiro, Ele é o Novo Caminho - Hebreus 10.19,20 –
Portanto, irmãos, temos plena confiança para entrar no Santo dos Santos pelo sangue de Jesus, por um novo e vivo caminho que ele nos abriu por meio do véu, isto é, do seu corpo.”

Para o agricultor, Ele é o Semeador, Senhor da Seara - Mateus 13.37 –Ele respondeu: "Aquele que semeou a boa semente é o Filho do homem.

Para o florista, Ele é a Rosa de Sarom - Cantares 2.1 –
Sou uma flor de Sarom, um lírio dos vales.

Para o geólogo, Ele é a Rocha dos Séculos - Salmo 61.2 –
Desde os confins da terra eu clamo a ti, com o coração abatido; põe-me à salvo na rocha mais alta do que eu.

Para o horticultor, Ele é a Videira Verdadeira - João 15.1 - "Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o agricultor.

Para o juiz, Ele é o único Juiz Justo dos homens - II Timóteo 4.8 –
Agora me está reservada a coroa da justiça, que o Senhor, justo Juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amam a sua vinda.

Para o jurado, Ele é a Testemunha Fiel e Verdadeira - Apocalipse 3.14 –
Ao anjo da igreja em Laodicéia escreva: Estas são as palavras do Amém, a testemunha fiel e verdadeira, o soberano da criação de Deus.

Para o ourives, Ele é a Pérola de Grande Valor - Mateus 13.46 –
Encontrando uma pérola de grande valor, foi, vendeu tudo o que tinha e a comprou.

Para o advogado, Ele é o Conselheiro e Verdadeiro Defensor - Isaías 9.6 –
Porque um menino nos nasceu, um filho nos foi dado, e o governo está sobre os seus ombros. E ele será chamado Maravilhoso Conselheiro, Deus Poderoso, Pai Eterno, Príncipe da Paz.

Para o jornalista, Ele é a Boa Nova, a Boa notícia de Grande Alegria - Lucas 2.10 –
Mas o anjo lhes disse: "Não tenham medo. Estou lhes trazendo boas novas de grande alegria, que são para todo o povo:...”

Para o oftalmologista, Ele é a Luz dos Olhos - Provérbio 29.13 –
O pobre e o opressor têm algo em comum: O Senhor dá vista a ambos.

Para o filantropo, Ele é o Dom Inefável - II Coríntios 9.15 –
Graças a Deus por seu dom inefável!

Para o filósofo, Ele é a Sabedoria de Deus - I Coríntios 1.24 – “...
mas para os que foram chamados, tanto judeus como gregos, Cristo é o poder de Deus e a sabedoria de Deus.

Para o pregador, Ele é a Palavra de Deus -  Apocalipse 19.13 –
Está vestido com um manto tingido de sangue, e o seu nome é Palavra de Deus.

Para o escultor, Ele é a Pedra Viva - I Pedro 2.4-5 –
À medida que se aproximam dele, a pedra viva — rejeitada pelos homens, mas escolhida por Deus e preciosa para ele - vocês também estão sendo utilizados como pedras vivas na edificação de uma casa espiritual para serem sacerdócio santo, oferecendo sacrifícios espirituais aceitáveis a Deus, por meio de Jesus Cristo.

Para o estadista, Ele é o Desejado de Todas as Nações - Ageu 2.7 –
Farei tremer todas as nações, que trarão para cá os seus tesouros, e encherei este templo de glória", diz o Senhor dos Exércitos.

Para o estudante, Ele é o Verbo - João 1.1 –
No princípio era aquele que é a Palavra. Ele estava com Deus, e era Deus.

Para o teólogo, Ele é o Autor e Consumador de nossa Fé - Hebreus 12.2 – “...
tendo os olhos fitos em Jesus, autor e consumador da nossa fé. Ele, pela alegria que lhe fora proposta, suportou a cruz, desprezando a vergonha, e assentou-se à direita do trono de Deus.

E AINDA :

Para o perdido, Ele é o Verdadeiro Guia - Mateus 23.10 – Tampouco vocês devem ser chamados ‘guias’, porquanto vocês têm um só Guia, o Cristo.

Para o cansado, Ele é o Almejado Descanso - Mateus 11.28 -
"Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso.

Para o pecador, Ele é o Cordeiro que tira o pecado do mundo - João 1.29 –
No dia seguinte João viu Jesus aproximando-se e disse: "Vejam! É o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!

Para o cristão, Ele é Filho do Deus Vivo, o Salvador - I Timóteo 4.10 –
Se trabalhamos e lutamos é porque temos colocado a nossa esperança no Deus vivo, o Salvador de todos os homens, especialmente dos que crêem.

Ele é o nosso sacrifício, nosso Advogado, nosso Irmão, apresentando nossa forma humana perante o trono do Pai.

Pense nisso!

Se gostou, deixe seu comentário aqui ou no Facebook, e compartilhe com seus amigos nas redes sociais.
Conheça também...

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Lenda da sogra


Era uma vez uma jovem chamada Lin, que se casou e foi viver com o marido na casa da sogra. Depois de algum tempo, começou a ver que não se adaptava à sogra. Os temperamentos eram muito diferentes e Lin se irritava com os hábitos e costumes da sogra, que criticava cada vez mais com insistência.
Com o passar dos meses, as coisas foram piorando, a ponto de a vida se tornar insuportável. No entanto, segundo as tradições antigas da China, a nora tem que estar sempre a serviço da sogra e obedecer-lhe em tudo.
Lin, não suportando por mais tempo a idéia de viver com a sogra, tomou a decisão de ir consultar um Mestre, velho amigo do seu pai. Depois de ouvir a jovem, o Mestre Huang pegou num ramalhete de ervas medicinais e disse-lhe:
- Para te livrares da tua sogra, não as deves usar de uma só vez, pois isso poderia causar suspeitas. Vais misturá-las com a comida, pouco a pouco, dia após dia, e assim ela vai-se envenenando lentamente. As ervas só fazem o efeito desejado, se durante o processo, você tratá-la como se fosse a sua mãe.
Mas, para teres a certeza de que, quando ela morrer, ninguém suspeitará de ti, deverás ter muito cuidado em tratá-la sempre com muita amizade. Não discutas e ajuda-a a resolver os seus problemas. Seja a filha que ela gostaria de ter.
Lin respondeu: Obrigado, Mestre Huang, farei tudo o que me recomenda”. Lin ficou muito contente e voltou entusiasmada com o projeto de assassinar a sogra.
Durante várias semanas Lin serviu, dia sim, dia não, uma refeição preparada especialmente para a sogra.
E tinha sempre presente a recomendação de Mestre Huang para evitar suspeitas: controlava o temperamento, obedecia à sogra em tudo e tratava-a como se fosse a sua própria mãe.
Passados seis meses, toda a família estava mudada. Lin controlava bem o seu temperamento e quase nunca se aborrecia. Durantes estes meses, não teve uma única discussão com a sogra, que também se mostrava muito mais amável e mais fácil de tratar com ela.
As atitudes da sogra também mudaram e ambas passaram a tratar-se como mãe e filha. Certo dia, Lin foi procurar
o Mestre Huang, para lhe pedir ajuda e disse-lhe:
“Mestre, por favor, ajude-me a evitar que o veneno venha a matar a minha sogra. É que ela transformou-se numa mulher agradável e gosto dela como se fosse a minha mãe. Não quero que ela morra por causa do veneno que lhe dou.”
Mestre Huang sorriu e abanou a cabeça: “Lin, não te preocupes. A tua sogra não mudou. Quem mudou foste tu.
As ervas que te dei são vitaminas para melhorar a saúde. O veneno estava nas tuas atitudes, mas foi sendo substituído pelo amor e carinho que lhe começaste a dedicar”.
Na China, há um provérbio que diz: “A pessoa que ama os outros também será amada”. E os árabes têm outro provérbio: “O nosso inimigo não é aquele que nos odeia, mas aquele que nós odiamos”.
A Bíblia também diz:

“Abençoai aos que vos perseguem, abençoai, e não amaldiçoeis.”

“Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus;...” Mateus 5.44

Esta é a receita de Deus e das pessoas sábias para você viver bem e feliz. Sinal de que isso realmente funciona. Experimente!

Pense nisso!

Se gostou, deixe seu comentário aqui ou no Facebook, e compartilhe com seus amigos nas redes sociais.
Conheça também...

terça-feira, 19 de agosto de 2014

OS NOTÁVEIS SEM NOMES – Parte 3


 Continuação das postagens interiores.

Por que tais pessoas são tidas por notáveis?

a) Eles são considerados notáveis ou "eminentes" ou "dignos de louvor", por causa da natureza da obra que realizaram!
O que eles fizeram? Obras dignas do evangelho de nosso Senhor – Paulo os chamou de: "cooperadores meus".
Oh! Que maravilhosa obra é o envolvimento direto ou indireto na evangelização de pessoas! A Bíblia afirma: "Quão formosos são os pés dos que anunciam coisas boas!".

b) Eles são considerados notáveis, porque seus nomes se encontram em lugar sobremodo destacado.
Ainda que não os conheçamos, seus "nomes se encontram no Livro da Vida". Porventura, há maior honra do que esta? Há grandeza comparada com ter seu nome no "Livro da Vida"
O Senhor Jesus, como Ele mesmo disse, ordenará que Seus fiéis sentem-se "no meu trono, assim como eu venci e me sentei com meu Pai no seu trono" (Apocalipse 3.21)
Quanta honra! Quanta dignidade têm aqueles cujos nomes se encontram no Livro da Vida! Não há alegria neste mundo que o suplante; por isso, Jesus disse: "Não obstante, alegrai-vos, não porque os espíritos se vos submetem, e sim porque o vosso nome está arrolado nos céus" (Lucas 10.20). Que gloriosa notoriedade!

c) Eles são notáveis por causa da sua notável e perpétua condição.
Quem são eles de fato e de verdade? Qual é a condição deles? Eles são "um tesouro particular do SENHOR(Malaquias 3.16,17). Eles fazem parte da grande família de Deus, da "igreja dos primogênitos arrolados nos céus" (Hebreus 12.23). Eles são aqueles em quem o Deus eterno se alegrará eternamente, como está escrito: "O SENHOR, teu Deus, está no meio de ti, poderoso para salvar-te; ele se deleitará em ti com alegria; renovar-te-á no seu amor, regozijar-se-á em ti com júbilo" (Sofonias 3.17).
Há algo, pois, mais importante e mais digno de apreciação, ou considerado como fonte mais segura de alegria e exultação, do que a certeza de ter seu nome arrolado nos céus?
Certamente, esses notáveis sem nome têm uma promessa que é simplesmente indescritível – "eles verão a Deus" por toda a eternidade! Essas, pois, são as três maravilhosas razões para estes homens e mulheres serem tidos como "os notáveis sem nomes":
a) A natureza da obra que realizaram;
b) Seus nomes se encontram em lugar sobremodo destacado; e...
c) Sua notável e perpétua condição!

E você, está certo de que seu nome está escrito no "Livro da Vida"? Se não, saiba que todos os notáveis de quem escrevi também já estiveram sem Deus no mundo e sem Cristo; no entanto, eles creram que Jesus Cristo veio ao mundo para salvar pecadores, arrependeram-se de seus pecados e receberam a Jesus como seu salvador único e pessoal. Faça o mesmo e você terá a verdadeira grandeza, a que procede de Deus!
E, se você já tem a salvação que Jesus oferece, envolva-se com a Sua obra. Isso é que é verdadeiramente “NOTÁVEL” diante de Deus.

Pense nisso!

Se gostou, deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos nas redes sociais.
Conheça também...

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

OS NOTÁVEIS SEM NOME – Parte 2


 

"...também com Clemente e com os demais cooperadores meus, cujos nomes se encontram no Livro da Vida." Fp. 4.3

 

Quem são os notáveis sem nome?
Paulo citou apenas o nome de "Clemente". Quanto aos outros cooperadores, não lhes designou "nomes". Deles somente disse: "...e com os demais cooperadores meus...".
Pelo menos para nós e para o mundo eles ficaram no anonimato. Entretanto, estamos certos de que foram tidos por notáveis pela obra que realizaram, pois Paulo chamou-os de "cooperadores meus". Certamente eram pessoas que “obtiveram bom testemunho por sua fé" (Hebreus 11.39).
Eram pessoas que ficaram conhecidas, não por seus nomes, mas pelas suas boas obras. A Bíblia apresenta casos semelhantes a este. Você se lembra daquela empregada doméstica que foi um instrumento para que o Deus de Israel fosse conhecido de um famoso estrangeiro? Qual é o nome dela? A Bíblia mostra a obra dessa pessoa, mas não o seu nome. A Bíblia simplesmente a chama de "uma menina". Mas sua obra foi excelente. Ela influenciou o comandante Naamã, seu patrão, de maneira que ele conheceu a bondade de Deus e foi curado de lepra (II Reis 5.1-19).
Temos outro exemplo bíblico de "um notável sem nome": uma viúva que fez uma notável oferta! Sabemos que ofertar faz parte das "boas obras... as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas" (Ef. 2.10). Muitos ofertam ou contribuem, porém poucos agradam a Deus nesta questão. No meio de tantos ricos e com grandes ofertas, Jesus “viu” aquela mulher. Ela chamou a atenção do Senhor com a sua oferta. Por quê? Porque ela o fez com o coração alegra e grato diante de Deus. Isso a diferenciava dos outros que também  ofertaram. Observe:

"Estando Jesus a observar, viu os ricos lançarem suas ofertas no gazofilácio. Viu também certa viúva pobre lançar ali duas pequenas moedas; e disse: Verdadeiramente, vos digo que esta viúva pobre deu mais do que todos. Porque todos estes deram como oferta daquilo que lhes sobrava; esta, porém, da sua pobreza deu tudo o que possuía, todo o seu sustento." Lc. 21.1-4

A Bíblia diz:
"Cada um contribua segundo tiver proposto no coração, não com tristeza ou por necessidade; porque Deus ama a quem dá com alegria. Deus pode fazer-vos abundar em toda graça, a fim de que, tendo sempre, em tudo, ampla suficiência, superabundeis em toda boa obra." 
II Cor. 9. 7,8

Quem pode saber quais as intenções do coração daquele que oferta? Como saber se o faz com alegria verdadeira? Quais são os nomes daqueles que ofertam ou contribuem corretamente, por estarem cheios de graça de Deus? Quem pode identificá-los com absoluta certeza? Ora, somente Deus sabe quais os que "dão com alegria" e ofertam com desprendimento. Nós não sabemos qual é o nome daquela viúva, mas o Senhor o sabe! 
Do ponto de vista humano, os ricos é que foram os grandes doadores daquele dia. No entanto, para o Senhor, essa mulher sem nome foi tida como a maior contribuinte dentre todos. Ela era conhecida de Deus e não dos homens. Há aqui um princípio bíblico extraordinário, a saber:
"Não importa ser reconhecido pelos homens, mas sim, ser reconhecido por Deus".
Vivemos numa sociedade em que as pessoas se esforçam para serem conhecidas pelos homens e fazerem seus nomes notórios. Daí surgem disputas e concorrências em todo lugar, inclusive na igreja. Por isso o Senhor advertiu Seus discípulos a que não andassem buscando o reconhecimento e o aplauso dos homens, pois assim não receberiam o "galardão do Pai celestial", que está continuamente atento às necessidades dos Seus filhos (Mateus 6.1-6). De que adianta o homem ser conhecido do mundo inteiro, e não ser conhecido de Deus? Que adianta ter seu nome gravado em prédios ou em jornais, e não ter seu nome e suas obras registrados nos livros de Deus?
A Bíblia dá testemunho de homens e mulheres, como os que Paulo mencionou na carta aos  Filipenses, ainda que não apareçam seus respectivos nomes. O que realmente importa é que eles são conhecidos de Deus; Deus os ama; Deus lhes conferiu dignidade; Deus lhes deu o glorioso nome de cristão; sobre eles repousa o Espírito da glória e de Deus. A Bíblia diz que virá o Dia” em que todos eles serão "manifestados com Cristo Jesus, em glória", e todos os homens e mulheres de todos os tempos os verão como foram e são notáveis e felizes! (Colossenses 3.3,4).
Isso responde à pergunta inicial: "Quem são os verdadeiros notáveis sem nomes?" São os desconhecidos dos homens, mas bem conhecidos de Deus!
Qual é o seu nome, querido(a) leitor(a)? Você é conhecido(a) dos homens? Você está lutando "por um lugar ao sol"? Não se preocupe se, por acaso, ninguém sabe ou ninguém nota o que você faz para o Senhor! Continue trabalhando, "não à vista dos homens", mas para o Senhor. Ele vê você! Ele sabe! O Senhor Deus conhece seu labor! Ele conhece os que se colocam em oração continuamente. Você não tem que fazer isso diante dos homens. As pessoas não precisam saber! O que importa é que suas orações sejam ouvidas por Deus.
Enfim, que cada um trabalhe com discrição, sem alarde, fazendo tudo para o SENHOR, sem se importar com os elogios dos homens, pois agindo assim, receberemos o louvor que procede de Deus e não dos homens. Afinal, o Senhor disse: "Aos que Me honram, honrarei, porém os que Me desprezam serão desmerecidos." (I Samuel 2.30)
Mas ainda há uma pergunta que precisamos responder: Por que tais pessoas são tidas por notáveis?

Saiba na próxima postagem. Até lá!

Pense nisso!

Se gostou, deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos nas redes sociais.
Conheça também...