Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

IRREVERÊNCIA - UM MAL A SER COMBATIDO





“Mas o Senhor está no seu santo templo; cale-se diante dele toda a terra.”
Habacuque 2.20

Vivemos dias difíceis onde as igrejas estão tendo sérios problemas com a reverência na hora do culto, isto porque muitos crentes estão perdendo o temor e o respeito a Deus e a Sua casa.
A falta de reverência tem se tornado uma grande dor de cabeça para os líderes que são obrigados a usar métodos não pouco criativos na tentativa de evitá-la na Casa de Deus. Assim, citaremos as práticas mais comuns verificadas de púlpito que também podem ser classificadas como irreverência na Casa de Deus. 

1. As conversas durante o culto, que irritam aqueles que querem prestar o seu culto a Deus;
2. Troca de mensagens via celular e tablet, com consulta e interação as redes sociais;
3. Mascar chicletes e logo após, colar debaixo das cadeiras ou bancos da igreja;
4. Levantar várias vezes durante o culto como se tivesse indo à toalete ou beber água;
5. Brincar com a criança como se a igreja fosse um parque de diversões ou um playground;
6. Desatenção na hora do louvor e da pregação, demonstrando estar desligado do culto;
7. Comentários de pé de ouvido com o irmão do lado, exatamente na hora da mensagem;
8. Paqueras, sinais no estilo linguagem dos surdos e trocas de sorrisos;
9. Falta de leitura da bíblia na hora da leitura devocional; falta de concentração e introspecção;
10. Desassossego, inquietação e indiferença, como se não estivesse na presença de Deus; etc.

Estas têm sido algumas das causas que impedem Deus de agir de forma poderosa em nossos cultos, porque assim está escrito:

“A minha casa será chamada casa de oração para todos os povos.” (Is. 56.7).

Se você se enquadrar em alguma destas práticas irreverentes, confesse agora mesmo o seu pecado ao Senhor e abandone-a(s), pois isso aborrece a Deus e aos Seus líderes. O Espírito Santo é ordeiro e organizado. Ele jamais vai operar em meio à bagunça, desorganização e irreverência.
A Bíblia diz que os verdadeiros adoradores adoram a Deus com “temor e tremor”, “em espírito e em verdade”.

“Servi ao Senhor com temor, e alegrai-vos com tremor. Salmos 2.11

Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade. João 4.24

Este deve ser o nosso padrão. Aí, sim, o Senhor se manifestará com liberdade e poder em nosso meio. Como disse G. Cowper:

“A reverência é um dos sinais de poder; a irreverencia, uma das mais seguras indicações de fraqueza. Nenhum homem atingirá as alturas se menosprezar as coisas sagradas.”


Pense nisso!

Se gostou, deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos nas redes sociais.
Conheça também...

Nenhum comentário:

Postar um comentário