Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

sexta-feira, 25 de abril de 2014

MUDANÇA DE FOCO

“A candeia do corpo é o olho. Sendo, pois, o teu olho simples, também todo o teu corpo será luminoso; mas, se for mau, também o teu corpo será tenebroso. Vê, pois, que a luz que em ti há não sejam trevas. Se, pois, todo o teu corpo é luminoso, não tendo em trevas parte alguma, todo será luminoso, como quando a candeia te ilumina com o seu resplendor.”

Este e outros textos da Palavra de Deus nos fazem refletir sobre o modo como olhamos as coisas. E a forma como você vê interfere no que você sente e vice-versa. Seu foco pode trazer luz ou trevas sobre seu coração e mente.
Muitas vezes nos aborrecemos e aborrecemos os outros porque temos a terrível tendência a olhar sempre o lado mal nas coisas e nas pessoas.
Tenho carregado comigo um lema que tem me ajudado a julgar menos, errar menos e pecar menos. Eu prefiro sempre “ver” o lado bom das coisas. Significa que, até que me provem o contrário, eu prefiro acreditar que a coisa, a pessoa ou a situação é boa. Isso me ajuda a manter a calma em situações difíceis e a não abrir a boca contra pessoas e circunstâncias antes de ter certeza de que são mesmo ruins. Essa atitude amplia minha mente e minha visão. Este ajuste no foco me faz julgar com amor e misericórdia antes de pensar mal.
Podemos pegar exemplos em muitos lugares e situações. Vou usar um exemplo bem comum – o que as pessoas pensam sobre a Igreja.
Muita gente sofre, faz sofrer, se aborrece e até sai da igreja porque sempre olha o lado ruim das coisas.
Veja alguns exemplos:

1 - Quando uma igreja tem muitos membros problemáticos, feridos de alma, a pessoa logo pensa:
“Este é um lugar desagradável. Todo mundo tem problemas aqui. Que horrível! Tenho que sair.”
Ao invés disso, deveria pensar:
“Este é um lugar agradável. Todo mundo que tem problemas vem pra cá. Que benção! Tenho que ficar aqui para ser tratado, ou para ajudar a tratar os outros.”

2 – Quando os crentes de uma igreja gostam de se vestir bem, com elegância. A pessoa pensa:
“Meu Deus! Isso aqui parece até um desfile de modas. Que povo metido! Adora se exibir!”
Ao contrário, essa pessoa deveria pensar:
“Meu Deus! Que gente elegante! Eles adoram a Deus com o melhor que possuem! Vou me juntar a eles e oferecer meu culto com minhas melhores roupas.”

Deu pra perceber a diferença que faz pensar o lado mal e pensar o lado bom? São as mesmas situações, mas com óticas diferentes.
Isso serve pra vida toda! Antes de analisar as situações, focalize o melhor em sua mente, melhore seus olhos, amplie sua visão. Olhe para as coisas, as circunstâncias e as pessoas com o olhar de Deus. Torne bons os seus olhos! Isso pode mudar sua vida! Vai tratar muitos preconceitos e quebrar paradigmas em sua mente. Renove-se! Mude o foco!

“Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” Romanos 12:2


 Pense nisso!

Se gostou, deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos.
Conheça também...


3 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigada, Luiz Alberto. É bom saber que edificou sua vida. Passe sempre por aqui e deixe seu comentário. É muito pra mim. Obrigada.

      Excluir