Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

terça-feira, 2 de abril de 2013

Isso bom ou isso é mau?


Podemos realmente determinar se as circunstâncias da vida são boas ou más?
Por exemplo, seu carro quebra bem na hora de sair para viajar com a família. No entanto, quando você leva o carro ao mecânico, e ele diz: “Foi bom você não ter saído com isto na estrada. Poderia ter incendiado.” Então,... Isso é mau, pela inconveniência, ou é bom pela proteção de Deus?
Ou, talvez, sua filha decide ter interesses diferentes dos seus. Você gostaria que ela praticasse um esporte na escola, mas ela preferiu cantar e tocar um instrumento. Você fica frustrado, mas ela se sobressai e ganha uma bolsa de estudo em música. Então,... Isso é mau, porque seus sonhos para ela não se realizaram, ou é bom porque Deus a dirigiu de maneira que você não poderia ter previsto?
Algumas vezes é difícil perceber como Deus trabalha. Seus mistérios nem sempre nos revelam os segredos divinos, e muitas vezes o curso da nossa jornada é alterado por desvios impossíveis de evitar. Pode ser que o Pai esteja nos mostrando uma direção melhor. Ele disse: “Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos que os vossos pensamentos.” (Isaías 55.9).
Para ter certeza de que aquilo que parece mau venha a lhe beneficiar, você precisa reconhecer e confiar no imutável amor de Deus por você, como disse o salmista: “Mas eu confio na Tua benignidade; na Tua salvação se alegrará meu coração.”  (Salmo 13.5). Também deve crer na Palavra de Deus e em Suas preciosas promessas, pois ela diz: “Tudo coopera para o bem daqueles que amam a Deus e são chamados pelo Seu propósito.” (Romanos 8.28).

Pense nisso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário