Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

quinta-feira, 14 de junho de 2012

AGRADECIDA


Sozinha, mas não solitária.
Dolorida, mas não prostrada.
Questionada, mas não ofendida.
Distante, mas não esquecida.
Sofrível, mas ensinável;
Mente aberta para o novo,
Ou para a velha lição ainda não esgotada.
Consciente, mas não assustada.
Submissa, mas não conformada.
Tensa, mas sem cara azeda,
Palavras azedas ou coração amargo.
Com dor, mas com um sorriso nos lábios.
Fraca, mas não inerte.
Triste, mas não abalada.
Incompreendida e julgada,
Mas não devedora ou com síndrome de culpa.
Abalada, mas esperançosa.
Confusa, mas sem mais perguntas.
Sensível, mas não vulnerável.
Lutando, mas descansada em fé.
Frustrada, mas não desanimada.
Sem planos, mas com perspectivas.
Sem condições, mas sem desânimo.
Sem ilusões, mas alimentando os sonhos.
Sem alvos a longo prazo,
Mas vivendo um passo a cada dia.
Sem muito olhar para o futuro distante,
Mas sem mágoas ou dívidas com o passado,
Apenas rendida ao dia presente,
Aberta a todo potencial latente.
Esperando há muito tempo,
Mas não impaciente.
Sossegada, mas não sem lutar,
Sem baixar a guarda, sem embainhar a espada,
Sem passar a bola, sem por a culpa em outrem.
Enferma, mas não morta.
Pronta pra morrer, mas sem desgostar da vida.
Quase sem forças pra lutar,
Mas alimentando a fé com a Palavra.
Sem chance pra vencer,
Mas com certeza de vitória através de Cristo.
Passando pelo vale das sombras,
Mas sem medo do escuro,
Empunhando o farol da verdade.
E, apesar de tudo isso,
Mantendo-me agradecida.

De Raquel Roque para todos os que
estão passando por provações,
mas não desistem nunca.

Um grande abraço a todos. E não deixem de deixar seu comentário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário