Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

domingo, 26 de julho de 2015

NÃO QUERO TRABALHAR


“Mas, que vos parece? Um homem tinha dois filhos, e, dirigindo-se ao primeiro, disse: Filho, vai trabalhar hoje na minha vinha. Ele, porém, respondendo, disse: Não quero. Mas depois, arrependendo-se, foi.” 
Mt. 21.28,29

Não confunda trabalho secular com trabalho pra Deus! No trabalho secular você é regido pela CLT, mas no serviço para Deus você é regido pela Sua Palavra; no secular, você tem um “simples” contrato de trabalho, no outro, você tem uma aliança com Deus.
Trabalhar pra Deus é coisa séria! Daí, começar e não terminar, trabalhar de qualquer maneira ou abandonar o trabalho por qualquer motivo, pode lhe trazer sérias consequências espirituais e materiais.
No trabalho secular, você pode pedir demissão e ir embora, mas no trabalho do Senhor não é assim, pois Deus é um Deus ordeiro e que vela por Sua Palavra (Jr. 1.12).
Há crentes que estão em meio à tempestade, dormindo no porão do navio, fugindo de suas responsabilidades com Deus, como Jonas. Outros já estão no ventre de um grande “peixe” sofrendo “um pouquinho”. E outros ainda, já foram lançados na “areia da praia” para fazer o que Ele mandou.
A questão é: em qualquer fase de sua “trajetória de desvio” de um chamado para fazer o que Deus lhe ordenou, vai doer em você e em sua família. Pode até atrapalhar a vida dos que estão perto de você.
Então, faça a sua escolha! Ou você trabalha por espontaneidade ou Deus vai lhe conduzir ao trabalho que Ele lhe chamou fazer.
E lembre-se do que a Palavra diz:
“Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor.” I Co 15:58.

Pense nisso, e nunca diga: “Não quero!”
Diga: “Eis-me aqui, Senhor”.

Pr. Paulo Affonso Generoso

Pense nisso!

Se gostou, deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos nas redes sociais.
Conheça também...
www.bonnevievie.blogspot.com.br
E a minha página de poesias "Bem Dito"

Nenhum comentário:

Postar um comentário