Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

O lençol da Vizinha

Um casal acabava de mudar para a nova casa. Tomavam juntos o primeiro café da manhã quando a esposa viu pela vidraça sua vizinha estendendo roupa:
- Veja, querido, o lençol está todo sujo. Ela está colocando para secar e nem lavou direito. Que desleixo!
- Deixe a moça, querida, cada um vive como quer...
No dia seguinte, a cena se repete:
- Querido, olha, de novo: os lençóis estão imundos! Devem ter caído no chão e ela os está pondo para secar. Não posso acreditar. Vou lá conversar com ela e dizer que isso está errado.
- Deixe a moça, querida, o lençol é dela e não devemos arrumar encrenca com os vizinhos.
No café da manhã seguinte, o casal conversava quando, ao olhar pela vidraça, a esposa disse:
- Querido, veja! Os lençóis estão perfeitos hoje, brancos como o dia. Você conversou com ela? Chamou-lhe atenção?
O marido, com o olhar um pouco constrangido, explica:
- Não foi bem isso que aconteceu... Sabe, querida, a sujeira que você via não estava no lençol dela. Hoje eu acordei mais cedo e limpei a nossa vidraça.

(do livro Atitudes Vencedoras, de Carlos Hilsdorf)


A “vidraça” são as lentes da nossa percepção, através das quais vemos o mundo. Às vezes, insistimos em distorcer as coisas. Não as enxergamos como elas realmente são, mas como queremos que elas sejam. É mais fácil acreditar que estamos sempre certos, e que os outros é que estão errados. Cuidado: a distorção é muito usada quando queremos evitar realizar as mudanças que não estamos dispostos a realizar. É um dos maiores vilões da nossa percepção sobre a realidade.

E você? Com que lentes está vendo o mundo?

Pense nisso!

Se gostou, deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos.
Conheça também...

Nenhum comentário:

Postar um comentário