Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Como você trata seus pais?

Júlio, 40 anos, depois de muito tempo sem ver seu pai, resolveu visitá-lo e passear com ele. Foram para um parque da cidade, sentaram-se num banco da praça.
Enquanto Júlio lia o seu jornal, o pai observava a natureza com os olhos cansados de um homem de 85 anos. De repente, um movimento nas árvores e o pai de Júlio, seu Orestes pergunta:
_ Filho, o que é aquilo?
Júlio, afasta por um segundo o jornal e responde: 
_ É um pássaro, pai...
O velho pai continua acompanhando o movimento do passarinho, e pergunta, novamente: 
_ O que é aquilo?
Estressado, Júlio, responde de forma ríspida: 
_ Poxa! Já falei, aquilo é um pássaro!
Passados alguns segundos, seu Orestes torna a perguntar, apontando para o passarinho.
_ O que é aquilo?
Desta vez o filho explode, com a paciência esgotada, e grita com o pai: 
_ O senhor está caduco, surdo? Já falei que aquilo é um pássaro! Um P Á S S A R O! Entendeu?
Nisso, o velho pai, faz um sinal pedindo para o filho aguardar, tira da bolsa uma espécie de diário e pede para o filho ler em voz alta, um trecho escrito há muitos anos. O filho lê, em voz alta:
_ “Ontem, meu filho, com três aninhos, me perguntou 8 vezes o que era aquilo voando de uma árvore para outra e respondi todas as vezes com muita paciência, que era um pássaro! E todas as vezes abracei meu filhinho, orgulhoso e cheio de amor”.

Às vezes não temos paciência com nossos pais, achando que eles são chatos e velhos. Esquecemos que eles nos educaram, socorreram, investiram todo seu tempo, paciência e amor para que pudéssemos, um dia, nos tornar pessoas de bem. 


(autor desconhecido)

Pense nisso!

Se gostou, deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos.
Conheça também...


Nenhum comentário:

Postar um comentário