Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

sexta-feira, 8 de abril de 2011

PRIMEIRO AMOR

Tenho, porém, contra ti que deixaste o teu primeiro amor.”
(Apocalipse 2.4)
Neste texto, o Senhor repreende a Igreja de Éfeso por ter “perdido o primeiro amor”.
Quando Deus realmente domina o seu coração, não há nada mais importante na sua vida do que amá-lo e servi-lo.
Muitos cristãos vivem entediados, não por falta de atividade, mas por falta de fervor. Fomos feitos para viver a vida abundante que Jesus nos prometeu, isto é, completamente engajados e comprometidos com Ele e com a Sua obra. Enquanto isso não acontece, você pode se perder em mil atividades, tentando ser o Super-Homem e “salvar o mundo”. Mas estar ocupado não é o mesmo que ser fervoroso. Movimento não é o mesmo que avivamento. Ao contrário, muitas vezes o movimento abafa e até apaga o fervor. Você se envolve tanto com a obra do Senhor, que acaba se esquecendo do Senhor da obra.
Deus acusou o anjo da Igreja de Éfeso de abandonar o amor inicial. Amor é o que move todas as coisas no Reino de Deus. Sem amor, tudo não passa de palha. Aqueles crentes estavam ocupados fazendo as coisas certas, mas seu coração não estava concentrado nisso. Embora suas atividades estivessem intactas, seus corações tinham perdido o fervor. Parece familiar ?
Deus quer mais que seu tempo, seu dinheiro e seus esforços. Ele quer VOCÊ !
Deus não quer apenas servos, Ele quer amigos.
Deus não busca ativismo, mas relacionamento, intimidade e comunhão.
Deus quer que você esteja completamente unido a Ele, envolvido pelo Espírito Santo, fervoroso, aquecido pela Sua graça e submerso em Seu amor, ao invés de simplesmente numa atividade frenética, tentando marcar as tarefas executadas em uma enorme lista de afazeres.
Se você olhar para dentro de si e não conseguir descobrir pra onde foi o seu primeiro amor, não desista. Não importa se o seu desejo de mudar seja pequeno ou imperceptível, ou se sua determinação seja fraca, ou se já tenha passado muito tempo longe dos Seus braços de comunhão. O que importa para Deus é o que você realmente deseja. Se você se dirigir ao Pai com coração contrito e pedir para que reacenda o seu primeiro amor, isto realmente acontecerá ! Aleluia !
No fundo, todos nós precisamos orar assim constantemente.
Tenha uma ótima semana, e que o Deus do primeiro amor se manifeste todos os dias na sua vida.
Um grande abraço: Raquel.

P.S.: Não esqueça de deixar o seu recadinho. Ele é importante para mim. Valeu !

Um comentário:

  1. Oi Prª Raquel, que linda reflexão!
    Realmente se trata de um tema de coração, Deus sempre vai olhar para o coração. Para Ele não importa muito o que fazemos para ele, mas o quanto ele está entronizado e o o seu amor aceso em nossos corações.
    Que Deus siga te abençoando este lindo ministério que através do ensino da palavra edifica a muitos.

    ResponderExcluir